Mauá inicia semana com página fora do ar e 143 mortes por Covid-19

Continua após a publicidade

Na noite da segunda-feira (29), o site oficial do Estado de São Paulo apontou o 2.218° caso confirmado de Covid-19 na cidade e a morte de número 143

Nesta segunda, não foi possível consultar a situação do coronavírus na cidade pela prefeitura. Uma vez que as páginas do prefeito, Atila Jacomussi (PSB), e da municipalidade no Facebook e Instagram foram retiradas do ar.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A queda aconteceu depois que o diretório do PT mauaense moveu ação eleitoral contra o chefe do Executivo sob alegação de campanha antecipada. O governo mauaense, no entanto, alega que a suspensão das contas foi por conta própria, como precaução a eventual pleito formal da Justiça Eleitoral.

Entretanto, na sexta-feira (26) foi oficializado pela administração municipal, que 308 pacientes estão curados da doença – oito a mais do que foi publicado na atualização do dia anterior. Foi publicado também que outros 2.355 pacientes estão sob suspeita da doença.

Deste número de suspeitos, 922 estão aguardando resultado do teste, 1.019 em isolamento domiciliar e 414 profissionais da saúde também permanecem de quarentena em casa. Ainda de acordo com o Paço, 640 casos estão descartados.

Por fim, foi apontado que dentre os óbitos 75% foram de pessoas com mais de 60 anos. Ainda, 86 pacientes que faleceram apresentavam doenças pré-existentes.

Deixe seu comentário