Câmara aprova impeachment de Atila Jacomussi

Em sessão realizada na tarde desta quinta-feira (18), ocorreu a votação do processo de impeachment, por vacância no cargo, do prefeito de Mauá, Átila Jacomussi (PSB).

A decisão dos vereadores foi pela cassação do mandado do prefeito.

Os vereadores Adimir Jacomussi, Ricardinho da Enfermagem, Betinho Dragões, Severino MSTU e Bodinho votaram contra a cassação do mandado do prefeito. O Pastor José se absteve e o Gil Miranda não compareceu justificando que viajou por conta de um problema de saúde de sua mãe.

Os vereadores Adelto Cachorrão, Dr. Cincinato, Fernando Rubinelli, Chico do Judô, Chiquinho do Zaíra, Marcelo Oliveira, Tchacabum, Jotão, Melão, Manoel Lopes, Ivan, Irmão Ozelito, Prof. Betinho, Samuel Enfermeiro, Sinvaldo Carteiro e Neycar votaram a favor da cassação.

Um dia antes da sessão marcada, foi divulgado que somente um processo seria posto em votação. A defesa de Átila conseguiu que a votação do processo por quebra de decoro fosse adiada, pois, segundo o documento referente a esse processo, “pode conter nulidades, como o indeferimento da oitiva de vereadores arrolados como testemunhas pelo impetrante”

Deixe seu comentário

Comments are closed.