A Prefeitura retomou o programa Expresso Mauá, na última quarta-feira (7), por meio do lançamento da sexta linha expressa de ônibus, que liga o Terminal Mauá aos bairros Jardim Sônia Maria e Jardim Sívia Maria. Segundo estimativa da Secretaria de Transportes, o passageiro poderá se deslocar entre os pontos em até 25 minutos, com ônibus equipados com tomadas para dispositivos móveis, como aparelho celular, além da rede Wi-Fi.
Atualmente, os usuários que se deslocam entre a região central e o Jardim Sônia Maria dependem da linha 61, em um trajeto de aproximadamente 40 minutos. O novo itinerário do Expresso Mauá, que terá a numeração 60, passará pela Avenida Alberto Soares Sampaio, Rua Presidente Arthur da Costa e Silva e Avenida Ayrton Senna da Silva e será uma alternativa a mais de transporte aos moradores do bairro Capuava.
Durante o ato de lançamento do Expresso Mauá Jardim Sônia e Sílvia Maria, prefeito Atila Jacomussi (PSB) exaltou os avanços da administração na modernização e qualidade nos serviços dos ônibus coletivos. “Mauá foi a cidade que mais evoluiu no transporte durante esse último período. Por meio de nosso governo, entregamos para nossa cidade 100 novos ônibus, com tomadas para recarga de celular e Wi-Fi gratuito. E estamos trazendo de volta o Expresso Mauá, para atender o trabalhador”, pontuou. Ainda aproveitou para fazer críticas à gestão interina da vice-prefeita Alaíde Damo (MDB). Segundo Atila, o programa de linhas alternativas de transporte público foi interrompido, inclusive com os 15 ônibus utilizados nas cinco linhas já existentes estavam parados. “Cada um tem o seu modelo de gestão e pode ser que o modelo de gestão do transporte do governo interino era diferente do que adotamos”, explicou.
Além da linha para os bairros Sônia Maria e Silvia Maria, foram retomados os itinerários: Jardim Itapeva; Sertãozinho; Jardim Hélida; Vila Mercedes; e Guaraciba. Em dezembro será inaugurada a linha que ligará o Centro ao Jardim Feital. No total serão 21 veículos disponíveis, todos com wi-fi, tomadas para os dispositivos móveis.
Deixe seu comentário