Uma mulher, companheira de um dos detentos, foi flagrada tentando entrar no CDP (Centro de Detenção Provisória) de Diadema com drogas escondidas na genitália. O caso ocorreu no último sábado (6).

Segundo informações, o entorpecente foi localizado pelo scanner corporal a qual foi submetida a visitante. Após o pacote ter sido observado nas imagens do aparelho, a mulher foi questionada pelos agentes de segurança e confessou que portava cocaína e maconha em seu corpo.

Ela foi encaminhada para o 1º DP (Centro), onde o boletim de ocorrência foi registrado. A mulher está suspensa do rol de visitas da unidade.

Deixe seu comentário