Os corpos de Zosizam Souza Santos, 35 anos, e de sua namorada Mayara Silva, 28 anos, assessores do vereador Tchacabum (PRP), foram enterrados no último domingo (16) no cemitério Santa Lídia, no município.

O casal foi assassinado na noite da última sexta-feira (14), quando chegavam na residência em que moravam na rua Silvio Alves de Araújo, no bairro Jardim São Gabriel, após participarem de uma atividade política. Segundo testemunhas, ambos teriam sido abordados por dois homens em uma moto que efetuaram vários disparos contra as vítimas.

O caso foi registrado no 1º DP de Mauá e segue sendo investigado pela polícia, que trabalha nas hipóteses de tentativa de roubou ou execução. Nenhum suspeito foi preso até o momento.

Em comunicado oficial, o vereador agradeceu a colaboração do casal, mas não comentou as causas do assassinato.

“Obrigado por terem acreditado no nosso projeto e terem lutado com muita garra, determinação, vontade e muita fé. A partir de hoje, não irei mais vê-los, mas tenham a certeza que a minha gratidão por vocês será eterna e que vocês sempre estarão vivos em minha memória”, disse Tchacabum.

Deixe seu comentário